Como Usar Ervas e Temperos?

Escrito por on 31 de janeiro de 2014 in Cozinha - 1 Comentário -

Não há como se fazer uma boa preparação culinária sem que se use na mesma temperos e ervas, já que são eles que proporcionam sabor e cor aos alimentos. Há diversos temperos que podem ser usados, e para ajudar os amantes de uma boa comida, vamos apontar uma lista de ervas e temperos e ainda onde podem ser usadas para melhorar os pratos.

Ervas

Alecrim: é uma erva bastante utilizada e possui um aroma bastante refrescante, que muitas vezes é comparado ao pinho, e proporciona um especial sabor às aves, a sopa de tomate, molhos, carnes, frutos do mar, patês, batatas, berinjela, couve-flor, e ainda para ser usado no tempero do cordeiro. Alguns ainda usam a erva para incrementar saladas de frutas e sucos e pode ser usado no churrasco, jogado por cima do carvão.

Coentro moído ou em grãos:  A semente usada inteira é colocada em picles, ponches, no café e em doces. Também é usado inteiro no tempero de linguiças, salsichas, e mortadelas. Sua versão moída é utilizada no tempero de carnes, peixes, assados, aves ou grelhados, sopas de feijão, molhos, legumes e lentilhas. Além disso, é frequente seu uso nos pratos da culinária baiana, especialmente nas caldeiradas e moquecas de frutos do mar e peixes.

Dill ou Endro: Essa erva é indispensável no preparo de molhos, marinados, peixes, salada de batatas, carnes, picles, sopas, massas, pães, compotas e queijos.

Erva Doce: Ela bastante usada no preparo de bolos, especialmente o de fubá, biscoitos, bolachas, queijos, pães, molhos para saladas, peixes, frutas em calda, frutos do mar e em chás.

Cebolinha verde: Na culinária brasileira é bastante usada em diversas preparações, especialmente molho vinagrete, refogados, omeletes, e ainda em molhos que levam creme de leite e em peixes. Excelente quando usada em queijo cremoso, patês de ricota, saladas e sopas.

Estragão: possui sabor bastante marcante, bem semelhante ao anis, proporciona um sabor especial a vinagres, molho tártaro, picles e maionese. Excelente para ser utilizado em saladas verdes, pratos com ovos, frutos do mar, carnes e frangos.

Manjericão: possui sabor bastante agradável e marcante, é perfeito para ser usado em receitas que têm tomate, molhos para churrasco, em pizzas, lagosta, saladas, assados, e legumes. É o ingrediente principal do famoso molho ao pesto.

Manjerona: Apesar de ter o nome parecido com Manjericão, o sabor das duas ervas é totalmente diverso, e na aparência e sabor é bastante semelhante ao orégano, é perfeita para temperar aves e carnes, usada em molhos que tenham como base o tomate, saladas, sopas, frango refogado e misturada a manteiga derretida para temperar peixes grelhados. Essencial para pratos que possuam um rápido cozimento.

Orégano seco ou ao natura: Não pode faltar nas pizzas. Excelente quando usado em receitas com tomates, ovos, queijos, molhos e recheios para carnes, cebolas, peixes, aves e saladas que levem frutos do mar.

Salsa: combina bastante com sopas, canapés, saladas verdes, pães, molhos de ervas, tomates, manteiga temperada, omeletes, recheios e grelhados, frescas ou desidratadas.

Segurelha: Picante e aromática pode ser utilizada em combinação com outras ervas ou sozinha, em recheios para aves, peixes ou carnes, molhos, pratos com ovos, feijões e sopas.

Sálvia: Seu melhor uso é no recheio e na preparação de aves e carnes em geral, sopas, marinados, molhos de tomate, cremes, queijos, batatas, em massas com manteiga, chá e biscoitos.

Tomilho: Levemente picante e bastante aromático é utilizado para temperar peixes, carnes, aves, pratos com queijos e tomates.

Temperos

Açafrão da Terra: é um tempero que pertence à família do gengibre, sendo ainda conhecido pelo nome de cúrcuma. Possui um sabor um pouco amargo e a coloração amarelo-dourado, retirado da raiz moída e seca da planta. Além de proporcionar cor ainda dá sabor às preparações. Bastante usado em molhos cremosos, pratos com ovos, picles, massas, maioneses, frango, arroz, peixes e pães.

Açafrão Espanhol: É bastante usado em pratos da com origem francesa, sul-americana e espanhola. Recomendado no preparo de paella, arroz, peixes, risotos, pães e frutos do mar.

Alho desidratado ou ao natural, granulado ou também em flocos: Desidratado e seco pode substituir o alho fresco em qualquer uma de suas aplicações.

Baunilha: Possui a coloração marrom escuro, sendo usada na preparação de doces, proporcionando sabor a biscoitos, cremes, bolos e muitos outros.

Anis Estrelado: É bastante usado nos pratos chineses, sendo a base de carne de pato e porco. Também bastante utilizado na fabricação de chás, licores e ainda na aromatização de bebidas alcoólicas.

Sal Amoníaco ou Bicarbonato de Amônia: usado na preparação de biscoitos, pães e bolos. Ajuda no crescimento da massa e por ser uma substância volátil, seu cheiro some da preparação sem ao menos deixar sabor.

Canela da China: Em pau ou em rama é usada na preparação de frutas assadas, picles, compotas, cozimento de legumes e molhos de tomate. Já em pó pode ser utilizada na preparação de bolos, pães, cafés, e ainda muitos outros. E também recomendada no cozimento de assados e legumes.

Bicarbonato de Sódio: atua quase da mesma forma que o fermento em pó, usado na preparação de biscoitos e bolos.

Cardamomo: usados muitíssimo na cozinha indiana, especialmente no tempero de sopas, arroz, picles, pães, carnes, bolos, biscoitos e cremes. Excelente no café árabe e ainda para aromatização de licores.

Casca de Laranja desidratada: usado para proporcionar um toque especial no sabor de doces e sobremesas. Ideal para mousses, pudins, biscoitos, bolos, sorvetes e molhos.

Cominho moído ou em sementes: de sabor bastante forte, precisa ser usado com bastante parcimônia na preparação de carnes, ovos, em pratos à base de queijos, legumes e batatas. Também usado na preparação de pães e molhos.

Cravo da índia: picante e adocicado, é utilizado tanto para enfeitar as preparações, como para proporcionar sabor. Ideal para conservas, molhos, compotas, doces, assados, dentre outros.

Cogumelo seco: assim que é hidratado, pode ser usado em diversas preparações como molho para carnes, estrogonofe, massas, omeletes, sopas e risotos.

Cremor de Tártato: possui o sabor voltado para o ácido-suave, sendo usado na fermentação de vinhos caseiros e ainda nas demais fermentações artificiais, assim como na preparação de bolos com clara, balas, e merengues.

Um Comentário on "Como Usar Ervas e Temperos?"

  1. Litwinski 4 de setembro de 2015 às 7:38 · Responder

    Muito bom, parece que ficou incrivel!

Deixe um Comentário