Dicas de Como Organizar a Geladeira da Maneira Correta

Escrito por on 19 de dezembro de 2012 in Organização - Nenhum Comentário -

Organizar e cuidar de uma casa são tarefas que tomam muito tempo, mas sempre acabam sendo extremamente gratificantes, especialmente depois que vermos como toda a casa ficou limpa e cheirosa. Porém, há algumas dessas tarefas que tomam mais tempo que as outras, como organizar a geladeira, por exemplo, que mesmo limpando, às vezes a disposição dos alimentos não é feita da maneira correta, acarretando em problemas de saúde para a família inteira.

Por isso, saber a forma certa de acomodar os alimentos dentro da geladeira é um passo muito importante para manter a saúde de sua e de sua família, então, siga nossas preciosas dicas.

Confira As Dicas

Confira As Dicas

Como Organizar a Geladeira

Existem em torno de 250 doenças causadas pela contaminação dos alimentos, e muitas pessoas se assustam com esse número, mas se recusam a mudar de comportamento quando o assunto é organização da geladeira. Você sabe como organizar uma geladeira? Sabe onde cada alimento deve ser colocado para não sofrer contaminação? Se você não sabe, então chegou a hora de aprender e ainda ensinar aos amigos e parentes a forma correta de acondicionar todos os tipos de alimentos.

Aprenda A Se Organizar

Aprenda A Se Organizar

Partes da Geladeira e a Disposição dos Alimentos

Gaveta Superior: Atenção para a primeira dica: nunca lave nenhum tipo de carne antes de guardar, isso pode aumentar a proliferação de bactérias e causar doenças. Nunca confie no que seus olhos estão vendo, por isso, não ache que uma carne é ruim por estar com coloração mais escura, nem que é boa por estar mais avermelhada, pois um pedaço de carne que possui infestação pela bactéria Escherichia Coli não possui cor diferenciada.

Primeira Prateleira: guarde o iogurte, o leite (não o guarde por longo período, pois absorve o odor dos demais alimentos), o leite fermentado, porém, nenhum deles deve ser acondicionado aberto e muito menos com a colher que você acabou de levar a boca. Isso é porta de entrada para diversas bactérias e, consequentemente, muitas doenças. Nesse lugar também podem ser guardado os frios, fatiados ou não, como salame, queijo, presunto, porém, não mais do que três dias, para que não estraguem, e, de preferência em potinhos próprios.

Os ovos, ao contrário do que muitas pessoas pensam, não devem ficar no porta-ovo da geladeira, devem ser colocados na primeira prateleira, para que não haja variação de temperatura e antes de colocá-los na mesma, lave-os bem, e assim estejam livres da salmonela que pode estar aderida na casca. As sobras de comida devem ser tampadas na geladeira somente depois de estarem frias, senão as bactérias farão a festa em sua refeição.

Segunda Prateleira: não guarde nenhum alimento enlatado na geladeira, pois as latas podem oxidar e estragar os alimentos, por isso, sempre que sobrar algo guarde diretamente em potes de vidro ou de plástico. O resto de molho de tomate, por exemplo, não pode ficar guardado na geladeira, deve ser levado ao freezer ou congelador.

  • Última Gaveta: nela devem ser colocados os alimentos crus, como legumes, verduras e até frutas. As folhas devem ser guardadas limpas, para que você logo de imediato possa descartar aquelas que estejam estragadas. Dessa forma, as ruins não prejudicarão aquelas que ainda estão boas.
  • Porta da Geladeira: nela podem ser guardados diversos alimentos, como molhos, temperos, inclusive o vinagre, pois ali é o lugar certo para ele. Também podem ser guardadas no local as bebidas, como água, cerveja e refrigerante.

Cuidados Especiais com os Alimentos na Geladeira

  1. Os alimentos que estragam com maior facilidade devem ser colocados perto do congelador e os que se mantém por mais tempo em prateleiras mais distantes.
  2. Não coloque alimentos demais dentro da geladeira, disponha todos de maneira que o ar frio possa circular em todas as partes.
  3. Alimentos ácidos (limão, por exemplo) especialmente depois de cortados, não devem estar em contato direto com a geladeira, já que podem causar manchas na mesma.
  4. As carnes cruas e frescas estragam com grande facilidade, por isso, compre apenas o suficiente para usar em uma ou duas refeições. O que passar disso deve ser acondicionado diretamente no freezer para que seja mantida sua qualidade. Já as carnes cozidas e que sejam levadas ao freezer ou congelador, o correto é que estejam envolta em papel alumínio ou em sacos plásticos apropriados.
  5. Como já dissemos as frutas, verduras e legumes devem ser todas lavadas e depois guardadas na gaveta, mas devem ter sua água escorrida, porém, não é necessário secá-las. Um pouco é água ajuda a preservar o alimento deixando-o com aparência mais fresca, especialmente as verduras.
  6. Os queijos devem sempre ser tirados da embalagem original e guardados em sacos plásticos, envoltos em papel alumínio ou até em vasilhas com tampa. Dessa forma a consistência e o sabor do mesmo serão mantidos e não correrá o risco do cheiro se espalhar por toda a geladeira.
  7. Todos os tipos de conservas, inclusive geleias, azeitona e outros alimentos do gênero podem ser colocados na porta da geladeira.
  8. Já os pães, bolos, tortas e afins, devem ficar na prateleira intermediária, pois precisam estar bem refrigerados, mas nem tanto quanto os laticínios. Na mesma prateleira podem ser acondicionados os caldos prontos, sopas e o feijão, porém, todos em vasilha limpa e com tampa.

Dicas de Como Comprar a Geladeira Certa Para sua Família

Os refrigerados de apenas uma porta ou de duas deve ser adquirido de acordo com a necessidade que sua família tem de congelar uma grande quantidade de alimentos e ainda levando em consideração qual o espaço que a geladeira deve ter sobra. Pensando nas duas hipóteses você poderá comprar uma com freezer adaptado ou não, mas se precisar manter os alimentos congelados por muito tempo, prefira uma que tenha as duas portas.

Outra dica é comprar modelos que permitam a retirada das prateleiras e gavetas da geladeira, isso facilita a limpeza e você pode regular a distância entre uma prateleira e outra. Além disso, opte pelos modelos Frost free, que são aqueles que você não precisa descongelar o produto, muito mais prático. Para a economia de energia elétrica, busque aparelhos que contenham a letra A, indicativo de menor consumo de energia, por isso, bem mais rentáveis para toda a família.

Deixe um Comentário